h1

Flamengo x Internacional

14/05/2009
Flamengo de Juan contra o Inter de Nilmar

Flamengo de Juan contra o Inter de Nilmar

Flamengo e Inter fizeram no Maracanã um jogaço, daqueles pra calar a boca de quem vive de pagar pau para o superestimado futebol europeu.

Taticamente e tecnicamente, um espetáculo.

O Inter mostrou logo no primeiro minuto de jogo grande entrosamento e um toque de bola ágil e muito bem executado.

Entrou pra decidir o jogo na velocidade de seus contra-ataques e na qualidade de seus ofensivos.

A defesa, muitíssimo bem postada, contou com grande atuação do Chupa-cabra Guiñazu, um monstro em feiúra e futebol.

Como era de se esperar, D’Alessandro mal pisou em campo e já estava marcado por Toró. Ele e Williams foram implacáveis na marcação do argentino, que nada produziu no tempo em que esteve em campo.

Não apenas a dupla Toró/Williams, mas toda a defesa do Flamengo jogou um grande futebol, mostrando pra todo o Brasil que não é presa fácil para o Internacional de mais de 80 gols. E que qualquer time que for ao Maracanã nessa temporada terá sorte se sair com o 0 x0 conseguido pelo Inter.

O time rubro-negro criou, mas esbarrou no azar(em duas bolas na trave), no goleiro Lauro(em defesa-milagre no chute à queima-roupa de Ronaldo Angelim), na falta de mira de Kléberson(chutando pra fora quando livre na área após passe primoroso de Ibson) e na falta de competência do ataque(todos os lances com Obina e Emerson).

O Inter, que pouco criou ofensivamente durante todo o jogo, quase sai do Maracanã com vantagem quando Andrezinho bate falta com precisão, obrigando Bruno a fazer grande defesa.

A torcida pressentia: mais uma vez um ex-jogador rubro-negro vai aprontar pra cima do Mengão.

E quase que Andrezinho cumpriu a profecia: chutou forte e acertou a trave. No rebote, o gol vazio para que Alecssandro concluísse e tirasse o 0 do placar em favor do Colorado.

Jorginho assistia a partida em busca de mais um lampejo, um gol que pudesse definitivamente carimbar a convocação do Garoto Maravilha do Beira-Rio para a Seleção Brasileira – ação já natural após o tento maradônico marcado no último domingo contra o Corinthians.

Mas o que o ex-lateral-direito campeão brasileiro de 87 em cima do Internacional viu mesmo foi o reflexo do goleiro Bruno, numa defesa espetacular, mostrando quem, de fato, merece uma convocação para vestir a Amarelinha de Dunga e da CBF.

Após o apito final, apenas a certeza de que o Inter é o favorito para a vaga no Beira-rio.

E de que subestimar o Flamengo pode ser o erro fatal num momento decisivo.

——-

Opinião do Titan:

Bitânico: “Bruuuuuudo! Bais uba vez o meu abigo Brudo bostrou que berece a vaga na Seleção! Que badé Dôni!!  Convoca o Brudo, Dunga!!”

Bidículo: “D’Alessandro. Além de argentino e firuleiro, ainda quer dar uma de bravinho pra cima do beu Flabengo? Jogou DADA, pra variar…vai pra casa, ARGENTIDO SUJO!!!”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: