h1

Contra o Vitória, seis gols, um ponto

08/10/2009

Infelizmente não será possível fazer um trocadilho infame com o nome do time baiano.

Vitória e Flamengo ficaram no empate após um jogão de seis gols.

É comum encontrar no dia de hoje flamenguistas que consideram o resultado um péssimo negócio. Não acredite neles. A maioria da Nação é completamente cega no que diz respeito a realidade futebolística. O Vitória faz um Brasileirão brilhante e em nenhum momento um empate no Barradão deve ser considerado um resultado ruim.

E, como de costume, críticas e mais críticas sobre a atuação do goleiro Bruno, que teria sido o culpado por não defender o indefensável. É a velha mania babaca de sempre tentar encontrar um culpado. Petkovic faz o segundo gol num frangaço de Cléguer e “Pet é foda!”, “Pet é ídolo!”. Ramon bota a bola no milhão e a culpa é do goleiro do Flamengo. Será que é tão difícil entender que gol adversário também tem mérito?

É muito interessante avaliar a atuação de dois jogadores que vem sendo muito importantes para o Flamengo: Zé Roberto e Everton.

Zé Roberto não é aquele destaque individual dos tempos de Botafogo, mas vem fazendo um bom trabalho dentro da equipe, principalmente levando em conta a inoperância do ataque do Flamengo sem Adriano.

Já passou da hora da torcida reconhecer o valor de seu futebol.

Já Everton caminha para se tornar o grande legado de Caio Jr. ao time da Gávea. Após assumir a titularidade com a lesão de Juan, Everton vem mostrando uma evolução significativa e hoje não apenas melhorou demais suas investidas ao ataque como aprimorou suas funções defensivas. Com apenas 20 anos, é das mais promissoras presenças do elenco profissional.

Há de se admitir que o ponto conquistado fora contra um concorrente direto pela vaga na Libertadores é mais significativo que uma invencibilidade cujo grande atrativo é gerar reportagens de jornalistas entendiados. O Flamengo segue firme na briga.

Será preciso muito trabalho duro para recuperar todos os pontos que o time jogou fora no primeiro turno. Mas a recompensa fará valer a pena. O sonho de ver Adriano e Petkovic, sob o belo trabalho da OLK, brilhando na disputa da Libertadores, deve ser motivação suficiente para levar o torcedor a acreditar. E nesse caso, se os sócios elegerem João Henrique Areias para Presidente, o Flamengo pode estar caminhando para um período de grandeza inimaginável para quem acompanhou o time nos últimos quinze anos.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: