Archive for 16 de novembro de 2009

h1

Não, não e não

16/11/2009

Pontos corridos é assim: o jogo de domingo é o mais importante do campeonato até o time vencer e o compromisso da semana seguinte se tornar a partida mais importante do campeonato.

O Flamengo vive essa realidade de forma intensa.

O Náutico fora de casa era pedreira, o time catimba, o campo é ruim. Passou. Agora é o Goiás, querendo terminar o ano de forma digna, com Fernandão e Iarley formando um ataque de botar medo em qualquer defesa.

A matemática é simples: precisa vencer todos os jogos. No momento que o time vive, não existe muito essa história de torcer contra os rivais. Já cansei de ver torcida fazendo conta, comemorando resultado de terceiros e o time entregando a paçoca e ficando longe dos objetivos.

Só depende do Flamengo.

Mas não custa dar uma torcidinha pelo Botafogo.

Val Baiano fez o grande favor de dar aquela ajudinha matadora, forçando o Fogão a cagar sangue na partida contra o SPFC. É tirar ponto dos paulistas ou voltar pra Segundona.

E por isso mesmo que o Flamengo é o dono de suas pretensões.

Se for pra sair falando por aí que o jogo contra o Goiás vai ser fácil, vamos perder.

Não pode, ainda mais agora, relaxar. São mais três jogos em que o time precisa entrar em campo com sangue nos olhos e vontade de vencer.

Todo mundo agora fica lembrando de 92, do time da década de 80. Pois lembrem-se do Flamengo x Goiás do segundo turno de 2008, daquele 3 x 0 que virou 3 x 3 e nos tirou da Libertadores. É daí que tem que vir a lição.

Eu continuo firme e forte afirmando que o Flamengo não vai ser campeão brasileiro.

Pode xingar, pode banir de comunidade do orkut, deixar scraps e comentários furiosos, não vou mudar esse discurso.

Só mudo depois do dia 6 de dezembro, passada a partida contra o Grêmio e definido o campeonato. Por enquanto o objetivo é Libertadores e ponto final.

Fiquem com todo o oba oba que quiserem, aqui o negócio é silêncio e seriedade.

Exatamente a receita da arrancada do Flamengo.