h1

Arctic Monkeys – Humbug

15/12/2009

Clique na imagem para baixar o disco

A primeira vez que eu ouvi os Arctic Monkeys foi num videozinho MPEG deles tocando “I Bet You Look Good On The Dancefloor”, que rodou a internet na época em que eles surgiram, com o Lúcio Ribeiro querendo desesperadamente dar o rabo pra eles.

Antes de tocar a música, Alex Turner diz ao microfone: “don’t believe the hype”. Eu não acreditei. E estava certo.

O Arctic Monkeys foi a banda mais hypada do século. E, logicamente, sem motivo pra tanto.

Tenho todos os discos da banda(discos mesmo, físicos, que não se perdem quando eu formato o HD) e ouvindo-os em sequência é notório como os Macacos se perderam em auto-indulgência, como os discos foram ficando cada vez menos legais.

Qualquer crítico sem bolas ou talento pra ouvir e entender um pouco de roque en rôu ouve Humbug e decreta que a banda “amadureceu”. Bobagem. A banda lançou o primeiro disco em 2006. Nos últimos três anos ou se estabeleciam mesmo como a grande banda que o hype acusava(o que definitivamente não aconteceu) ou lançavam um ou dois discos legais pra mostrar que eram, de fato, bons de alguma forma. Isso eles até fizeram.

Favourite Worst Nightmare é um disco legal, com alguns bons singles. Mas já dava pra saber que a banda não era aquela maravilha cool que lançava músicas com títulos (para alguns)fantásticos como “Chun Li’s Spinning Bird Kick”.

“My Propeller” é a música perfeita pra abrir Humbug. Ela dita o tom inteiro do álbum. Peso e soturnidade estão na maioria das faixas. O que realmente faz falta, é aquela música. Parece faltar ambição ou interesse por parte da banda em entregar um refrão, um solo ou melodia que torne o álbum memorável para as grandes massas.

“Cornerstone”, por exemplo, começa, desenvolve e acaba sem nunca decolar. É uma boa canção, mas fica a impressão de que poderia ir mais longe. O disco todo, aliás, passa essa impressão.

Esperava muito mais de uma banda que, mesmo ignorando o hype, prometia muito mais.

O mais triste é ver que até hoje a maioria dos críticos deixa a marca tomar a importância do conteúdo. Imagino a geekarada pop-fanática mijando nas calças se o “Dig Out Your Soul” tivesse escrito “Arctic Monkeys” na capa…

(clique na capa do disco para baixar)

Tracklist:

Arctic Monkeys – Humbug

1. My Propeller

2. Crying Ligthning

3. Dangerous Animals

4. Secret Door

5. Potion Approaching

6. Fire And The Thud

7. Cornerstone

8. Dance Little Liar

9. Pretty Visitors

10. The Jeweller’s Hands


Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: