h1

Coincidências aos 100

22/01/2010

O clube comemora 100 anos de existência. Visando títulos e lucro, o presidente megalomaníaco contrata como estrela maior do centenário um atacante consagrado mundialmente, que brilhou em PSV, Barcelona e foi campeão mundial com a Seleção Brasileira.

O presidente contrata também um lateral-esquerdo de peso, veterano, que brilhou jogando pelo rival, foi campeão mundial pelo Brasil junto com o tal atacante e que é famoso por marcar gols de falta com potentes chutes de perna esquerda.

O resto do time é formado por um jovem atacante revelado na base do clube e mais uma penca de jogadores contratados especialmente para o centenário, incluindo um campeão mundial pelo SPFC.

Para comandar o elenco, um técnico que desponta como um dos melhores do país, dono de personalidade forte.

A tudo isso, somam-se as promessas do presidente fanfarrão em aumentar astronômicamente a arrecadação do clube, muito embora os gastos com tantas estrelas e o real custo da equipe permaneçam em segredo.

E aí, de que time estamos falando?

Sinta-se livre para escolher entre Corinthians 2010 ou Flamengo 1995.

O Corinthians de Ronaldo, Roberto Carlos, Dentinho, Danilo e Mano Menezes possui muitas semelhanças com o Flamengo de 15 anos atrás, que tinha Romário, Branco, Sávio, Ronaldão e Vanderlei Luxemburgo*.

A maior delas talvez seja a figura do presidente Andres Sanchez, candidato a Kléber Leite de 2010.

O Flamengo fracassou em 95. Foi vice campeão do Campeonato Carioca, da Supercopa, caiu nas semifinais da Copa do Brasil e quase foi rebaixado no Brasileirão. Esquecer as derrotas foi fácil. Perder faz parte do futebol. Inesquecível, no entanto, foi o legado deixado pelo então presidente Kléber Leite.

Como exemplos, a dívida do clube, que pulou de 15 para mais de uma centena de milhões de reais e o próprio Romário, que estará na folha de pagamento do Flamengo até 2016.

Andres Sanchez segue o mesmo caminho, criando dívidas, omitindo números, fabricando verdades. É importante que os corintianos fiscalizem bem o que está acontecendo dentro do clube para não pagar, quinze anos depois, por irresponsabilidades cometidas na eufórica cegueira das comemorações da significativa data.

Nós do Blog do Titan esperamos que o corintiano tenha um bom centenário(menos no que diz respeito a Libertadores) e que não perca nenhum título levando gol de barriga nos minutos finais.

O clube acumula problemas e sofre como instituição, mas não existe nada pior que a zuação dos rivais, que cai sempre em cima de nós, torcedores.

Quem quiser discordar pode cantar: Pior ataque do mundo/Pior ataque do mundo/Pára um pouquinho/Descansa um pouquinho/ Sávio, Romário e Edmundo…

*Obs: na verdade Ronaldão veio para disputar o Brasileirão, após a saída de Luxemburgo do comando do time rubro-negro. Estamos contando o ano do centenário inteiro, ou seja, tudo o que o Flamengo fez, contratou e demitiu em 1995, comparado com o que o Corinthians já fez até agora.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: