h1

E aí, a imprensa e torcedores afobadinhos ainda querem Ronaldinho na Copa?

26/01/2010

Por causa dos vídeos dos gols marcados por Ronaldinho Gaúcho em dois jogos pelo Campeonato Italiano a Rede Globo e demais jornalistas do Brasil se excitaram, molharam as calças, deram as mãos e clamaram: Ronaldinho Gaúcho TEM que ir pra Copa!

Afinal de contas, o próprio craque disse que vivia seu melhor momento futebolístico. Muita gente alardeou e concordou, mesmo sendo uma mentira muito cara-de-pau.

Aí domingo passado veio o clássico contra a Inter e…? Se calaram? Por que?

Me lembro de uma declaração do ex-jogador Careca, que jogou na Seleção, SPFC, Guarani e Napoli no final dos anos 90: “na minha época o cara tinha que fazer uns 30 gols pra aparecer. Hoje qualquer um que faz 10 gols já tão pedindo na Seleção”.

Mais de uma década depois, podemos reduzir os 10 gols para 4 ou 5. Ou para duas partidas, como foi o caso de Ronaldinho.

O meia do Milan foi exaltado pelos mesmos oportunistas medrosos de sempre.

Quando aparece com destaque em algum jornal italiano, vira notícia, melhor do mundo. Quando dá vexame na Seleção ou mesmo no Milan, aí é esquecido, ninguém falou nada. É a hipocrisia jornalística, o medo de errar ou de ter uma opinião que possa ser desacreditada meses depois.

Eu continuo firme achando o que sempre achei sobre Ronaldinho Gaúcho: tem talento para ser melhor que o Maradona foi e não deve voltar à Seleção.

Pode parecer ambíguo, mas explico: é um jogador talentoso, mas sem brios, sem ambição, sem ousadia. Além disso, amarela em momentos decisivos e some na Seleção. Vai ser lembrado como mais um que PODERIA ter sido grande e que não foi, ou melhor, que não alcançou toda a grandeza que poderia. Os motivos por que isso não aconteceu, não ligo.

E particularmente me irritou muito ver as comparações com Pelé seguidas da pífia atuação na Copa de 2006.

No jogo de domingo, Ronaldinho tentou. Fez bons lançamentos, correu, tentou uma bicicleta, quase marcou um golaço de voleio e teve ainda um lance de pura genialidade no meio de campo. E perdeu um pênalti, o que para a imprensa italiana deve ter pesado para que sua participação tenha sido considerada um fracasso.

Mas o time todo do Milan esteve mal. Não foi um “fracasso” ou mesmo uma performance destoadamente negativa. E ainda assim, freou todo o entusiasmo da mídia brasileira. Pela partida de ontem, Ronaldinho merecia ir à Copa?

Futebol é momento, mas opiniões são formadas baseadas em aprendizado de vida, caráter e experiências pessoais. Quando um jornalista ou veículo de comunicação muda, a cada semana, a opinião sobre um jogador, apenas fere sua credibilidade e honra profissional.

Talvez o Gaúcho apareça batendo mais uns pênaltis até o final do campeonato, talvez ele arrebente até o final da temporada. Provavelmente vai sumir, como tem feito nos últimos tempos.

Aconteça como for, continuarei torcendo para que não vá à Copa do Mundo.

Anúncios

One comment

  1. colokaaaao linkeeee pro video! eu nao vi, quero ver!



Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: