h1

Volta, Imperador!!

17/03/2010

Tendo começado a acompanhar futebol durante a Copa de 94, nunca gostei muito dessa supervalorização da Taça Libertadores da América, ocorrida ao longo da última década.

Mas devo admitir: quanto o Flamengo joga pelo torneio, o dia fica muito mais especial.

E hoje com um atrativo a mais: diferente do que aconteceu na última quarta-feira, o Império do Amor enfrenta o Universidad de Chile, tanto com a parte Imperial quanto com a parte do Amor.

A presença de Adriano em campo é importantíssima para o Flamengo. Não apenas mete um medo desgraçado na bambinada, como o duelo também servirá como exercício para que o atacante volte à velha forma.

Porque o Adriano de hoje, do último jogo contra o Vasco e de compromissos anteriores, está muito aquém de seu verdadeiro poder de fogo.

Ele marcou até agora, em 2010, sete gols em sete partidas. Mas esses números enganam. Adriano não vem jogando bem. Está lento, pesado. Parece algumas vezes, desmotivado…

Parece cornetagem, mas não é. Porra, a gente vê hoje o Drogba jogando aquela bola toda no Chelsea, sendo considerado um dos melhores do mundo… o Adriano já jogou mais bola que isso quando tava na Europa. Era(é) um dos melhores atacantes do mundo. E é esse o Imperador que eu quero ver jogando pelo Flamengo. Eu quero ter um dos melhores atacantes do planeta jogando no meu time.

Não faz muito tempo, cerca de cinco ou seis anos, Adriano era protagonista do futebol mundial.

Arrebentava na Inter e, sempre que jogava pela Seleção, desencantava. Se disputava algum torneio, era o artilheiro e ainda abocanhava um prêmio como um dos melhores atletas do campeonato. Era o principal atacante de um Brasil que tinha um Robinho promissor, um Ronaldo longe das banhas atuais e muita gente boa correndo por fora.

Nesse momento, está devendo. Mas não é difícil vê-lo voltar à velha forma.

É novo, sua capacidade técnica está mais afiada que nunca. Até treinar após o jogo de domingo ele foi. Adriano quer voltar. E vai conseguir.

Num primeiro momento discordei do desabafo Imperial contra as pessoas ruins. Tinha, ainda tenho, muitos pontos de divergência em relação à colocação da situação feita por Adriano. Mas é inegável: as pessoas ruins estão aí e farão de tudo para desestabilizar o Mengão. Estamos de olho.

O Flamengo deve entrar em campo com: Bruno; Léo Moura, Álvaro, Fabrício e Juan; Rodrigo Alvim, Willians, Kleberson e Vinícius Pacheco; Vagner Love e Adriano.

Ótima oportunidade de avaliar o potencial do Rodrigo Alvim.

Muitos se perguntam se o Pet tem vaga no time, como é que ficam o Toró e o próprio Alvim com a volta do Maldonado… eles ficam ali, a disposição do técnico Andrade. Pra ser campeão, tem que ter elenco.

A Libertadores é longa, tem muito tempo pro Petkovic brilhar na competição.

E algo me diz que isso já vai acontecer na próxima rodada, quando o Flamengo joga em casa.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: