h1

Ao lado de Dunga

12/05/2010

No último post sobre o Selecionado, aquele que falava sobre a lista final do técnico Dunga e apresentava alguns pitacos sobre os escolhidos, mencionei alguma coisa sobre apenas sentar e esperar, não comentando mais a equipe do Brasil até a Copa do Mundo.

Infelizmente, 24 horas depois, não existe forma de ficar quieto.

Após a divulgação da lista, o Brasil inteiro encarnou o espírito do time de futebol do Botafogo e se abraçou numa horrenda onda de chororô coletâneo.

Questiono aos meuzóvo: por que?

Não gosto, nunca gostei, de Dunga como treinador. Sempre foi retranqueiro, atendia demais à CBF e aos interesses de empresários do mundo do futebol, convocava uma boa leva de pernas de pau e nunca chamou o Ibson.

Mas, verdade seja dita, tem o resultado a seu favor.

O Brasil do único dos sete anões a não possuir barba retomou o posto de primeiro colocado no ranking da FIFA, humilhou Argentina, Itália e Portugal, ganhou tudo de importante que disputou.

Ou melhor, quase tudo.

Como me lembrou ontem pelo Twitter o jornalista Mauro Cezar Pereira da ESPN, Dunga falhou na tentativa de trazer o ouro olímpico pela primeira vez ao peito de um grupo de jovens futebolistas.

Importante frisar que a lembrança foi uma resposta do jornalista ao meu argumento de que as reclamações eram exageradas, já que Dunga havia vencido de tudo comandando a Seleção. O jornalista apenas respondeu “Olimpíada?”, num exercício comum da classe, de ignorar as complexidades de cada situação apenas para fazer valer seu ponto de vista.

Mauro Cezar Pereira sabe que eu tenho razão.

Sabe que perder um título que nenhum outro técnico brasileiro jamais conseguiu na história não mancha o currículo de Dunga mais do que o fato de ter convocado Afonso Alves para ser o centro-avante do Brasil em algumas partidas.

Sabe que se fosse ao contrário, se Dunga tivesse conquistados as Olimpíadas e saído derrotado de todos os outros torneios que disputou já não seria mais o técnico da Seleção.

E, afinal, sabe que qualquer título perdido com a Seleção Brasileira de Novos tem valor quase nulo frente à qualquer conquista da Seleção Brasileira de Nem Tão Novos Assim(com Alguns Velhos).

Então por que tanta reclamação? Qual é a do mafuá todo em cima da lista de Dunga?

Desafio qualquer um a me provar que Neymar e Paulo Henrique Ganso farão falta de verdade à Seleção Brasileira.

E quando eu digo provar não quero argumentos subjetivos do tipo “lek, Neymmar jgoa bola d+++!!!” ou “PH11 >>>> Julio batista FATO”. Quero orações dotadas de sentido concreto, objetivo, matemático de que a ausência da dupla na África do Sul será o fator determinante caso o Brasil não conquiste o hexacampeonato.

O que se pode falar realmente sobre Paulo Henrique Ganso e Neymar é que nenhum dos dois teve nenhuma experiência na Seleção principal do Brasil.

Sim, Cícero Mello, quando Pelé foi convocado para a Copa de 1958 ainda não era o autor de mais de 1000 gols, não era o Atleta do Século. Mas o que você parece ignorar – ou o que simplesmente não sabe – é que em 7 de julho de 1957, quase um ano antes da Copa do Mundo, Pelé fez sua estréia pelo Selecionado Nacional.

A partida foi contra Argentina e, embora o Brasil tenha perdido por 2 a 1, Pelé marcou o gol brasileiro. Três dias depois, os dois times jogaram novamente – era a disputa da extinta Copa Roca – e nossa Seleção venceu por 2 a 0. Pelé novamente marcou um gol.

Ou seja, Cícero Mello, quando Pelé foi convocado para a Copa de 1958 não era uma promessa criada por falação após quatro meses de bom futebol, mas sim um jogador cuja qualidade já havia sido testada e comprovada sob o preto e branco dos anos 50 na camisa então azul da Seleção Brasileira de futebol.

Por melhores que sejam Ganso e Neymar, nenhum dos dois jamais vestiu a principal do Brasil. Dá pra simplesmente esquecer o trabalho realizado nos últimos anos apenas pra enfiar dois piá sem experiência dentro da equipe?

Além disso, o retrospecto de ambos com a Amarelinha nas categorias inferiores não é dos melhores.

Neymar jogou pela Sub-17 ano passado sem conseguir um décimo do destaque alcançado no Santos. Paulo Henrique Ganso foi o 11 da Seleção Sub-20 vice-campeã em 2009(perdeu nos pênaltis para Gana). Em sete jogos, marcou apenas um gol.

A Seleção, ou melhor, o Selecionado Brasileiro de Football que vai à Copa não encanta, não produz magia. Mas, verdade seja dita, falavam a mesma coisa do escrete de 1994 e todas as lembranças que eu tenho daquela Copa são as mais fantásticas e apaixonantes memórias que a Seleção Brasileira já produziu. Em todos os tempos do mundo.

É uma equipe de resultados. Pouco, para os amantes do futebol. Mas suficiente para quem tem como maior objetivo vencer o torneio. E muito motivo para que qualquer crítica à escalação de Dunga seja infundada.

Graças ao choro daqueles que nem entendem a regra do impedimento, da mobilização burra em torno de um folclore criado pra vender jornal, estou ao lado de Dunga. Me uni ao inimigo, junto forças com o Selecionado da CBF e juntos buscaremos a conquista do título, um passe lateral de cada vez.

Que chorem as viúvas de Neymar e Ganso(continuo aguardando as provas de que a Seleção perde sem os dois).

O velho Gasolina, Cícero Mello, já metia gol na Argentina com 16 anos. Neymar fez três contra o Itambemquapequerara do Cucú Azul? Ah, foi é…

Continuem reclamando. Enquanto isso, eu, Dunga, Josué, Kleberson e Felipe Melo estaremos ocupados demais tentando trazer uma Copa do Mundo para vocês, ingratos. Final de semana tem mais um jogo do Santos. Vão assistir? Ou só esperar o resultado pra reclamar?

O Dunga já me falou que não tá nem aí. E eu junto, sempre ao lado dele.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: